sexta-feira, 20 de maio de 2016

domingo, 13 de março de 2016

















terça-feira, 26 de janeiro de 2016

BR 135 + Ultramarathon/2016

Passo a noite bem, acordo duas vezes para ir ao sanitário, ainda com diarreia e astenia, dores na cabeça, sintomas de virose. Acordo cedo e vou tomar café, encontro vários atletas conhecidos de outras ultras mas encontro o Valmir Nunes o qual só conheço de leituras, gostaria muito de ir falar com ele mas não é o meu costume. Depois de tomar café vou acordar Fernando Frasao que será meu motorista e apoio para tomar café pois precisamos ir para a Unifae para realizar os tos necessários paravreceber o kit da Br 135 +. Fomos, encontramos muitos conhecidos, pois este ano parece ter mais participantes pois tem quarteto, dupla e solo em maior número. Este ano tem a pesagem mas não sei pra quê pois não somos pesados mais em nenhum momento. Depois vem o almoço, Congresso Técnico e entrega dos chips. Saímos para comprar maltodextrina, capa de chuva e várias compras no supermercado. Deixamos para comprar o gelo no dia seguinte, logo após a largada. Este ano a doação tem que ser em alimento, não estão aceitando em dinheiro. As camisas este ano estão com melhor qualidade pois as do ano passado foram péssimas, já acabaram, o que não ocorreu com outras de anos anteriores. Vou para o hotel descansar pois ainda estou com diarreia e astênico, mas melhorando. O café da manhã será servido as 05:30 hs e a largada será as 08:00 hs e me preparo para ir para a largada as 07:30 hs.

BR 135 + Ultramarathonn


  1. Fiz minha inscrição para a modalidade de 217 km em 48 hs com possibilidade de passar para 260 km em 60 horas em Paraisopolis se chegar antes das 48 hs. As reuniões, entrega de documentos, pegar o kit, almoçar e reunião técnica seria no dia 20/01/2016.Pesquisando passagem só encontra para chegar a tarde, então decido ir na terça, dia 19/01/2016. Vou em um voo da Azul, saindo de Recife às 8:30 hs, conexão em Salvador e chegando em São Paulo as 14:00 hs. Já embarcado o piloto avisa que perceberam na revisão que tem um pneu careca e era preciso trocar e duraria 40'. Chegamos em São Paulo as 14:40hs. Espera Fernando no Aeroporto de Guarulhos. Durante o voo comi o que foi oferecido para lanche é algo me fez mal, acho que foram umas balas de gelatina. Comecei a sentir cólica e depois de segurar um pouco vou até o sanitário e guardo o casaco. Estou com diarreia, minha conclusão foram os bobons que me deixaram doente. Logo que saio do sanitário pego o casaco e visto, mas começo sentindo um frio muito grande, tremores, visto mais duas camisas e não melhora, está fora do normal. Observo as outras pessoas e não percebo ninguém sentindo frio, alguns tomam sorvete e chego à conclusão que estou doente e falta menos de 36 hs de uma prova duríssima. Fernando Frazao, um colega que vai fazer o apoio, dirigindo, preparando a comida e tirando fotos, será necessário estarmos em harmonia porque a prova leva aos limites do estresse. Vamos para São João da Boa Vusta, para o Libero Hotel, próximo ao centro e também a largada. Vamos dormir para amanhã começarmos os preparativos.



quinta-feira, 26 de novembro de 2015

BR 135 + ULTRAMARATHON: MEU PROXIMO DESAFIO

Estou inscrito na modalidade da BR 135 + de 217 km em 48 horas, podendo mudar paran260 km em 60 horas quando chegar em Paraisópolis. Nas minhas participações nas ultramaratonas vem acontecendo que não venho conseguindo chegar ao final sistematicamente, sempre tentando superar estas dificuldades, o principal motivo continua sendo os treinos errados, treino muito mas termino não tendo um resultado satisfatorio. Nos meus treinos tenho a tendencia de agregar novas modalidades de treinos acumulando com as que venho treinando e termino entrando em overtrainng. Venho tentando organizar meus treinos e eliminar essa tendencia, tambem estou tentando chegar ao meu peso ideal de atleta que conclui que é de 65 a 70 kg, mas nunca consegui ficar abaixo dos 80kg por mais de 15 dias.


sábado, 21 de novembro de 2015

CASSINO ULTRA RACE

FOTOS DA 
CASSIN0
 ULTRA RACE